HELICÓPTERO PARTICULAR POUSA NO SÃO ROQUE

O aniversário do agricultor Rui Coutinho não poderia acontecer com surpresa maior. Enquanto comemorava seu natalício, um helicóptero pousou no quintal de sua propriedade rural e os passageiros foram dar-lhes as felicitações, em uma apresentação dantèsca. Rui do São Roque estava na companhia de familiares e do seu genro, o agente penitenciário Marlúcio Azevedo. “Gente decente”, descreveu o agricultor, ainda surpreso com a festa.

Os tripulantes, o empresário Denis Rildon, o jornalista e assessor parlamentar Rodrigo Rafael e o empresário Edilson Avelino, filho do ex-vice-prefeito Manoel Avelino, viajavam na aeronave que também foi vista nos céus da cidade. Logo em seguida juntaram-se aos viajantes o ex-vereador Phierce Muller, que seguia por terra em uma pickup.

Durante a tarde deste sábado a aeronave privada, um modelo R-44 azul, com capacidade para três passageiros, da empresa Regras Comunicação, sobrevoou a cidade e veio a pousar no São Roque, antes de seguir rumo ao aeroporto de Parelhas.

Essa é a primeira vez que uma aeronave desse tipo pousa em terras de populares no município em circunstâncias cotidianas. As outras ocasiões que helicópteros pousaram em Ouro Branco foram transportando políticos, em período de campanha eleitoral, para aliciar correligionários e angariar votos.

OURO BRANCO SÓ TEM DOIS DIRETÓRIOS PARTIDÁRIOS: PT E PSDB

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) reafirmou em sessão na última terça-feira, 20, o entendimento de que as comissões provisórias dos partidos podem durar no máximo 120 dias. Quipauá levantou os órgãos partidários de Ouro Branco e identificou os que terão seus estatutos adequados à nova regra.

Há em Ouro Branco, atualmente, 23 órgãos partidários, sendo que somente dois são diretórios definitivos:

  • o PSDB (45), de Rogério Azevedo de Lucena desde 29/04/17, com sede na Rua Tenente Manoel Cirilo 153, vigente até 29/04/18;
  • e o PT (13), de Zulamar Juarez de Souza desde 24/07/17, com sede na Rua Manoel Florentino de Araújo 70, vigente até 24/07/19.

Ainda há os órgãos que já tem prazo de vigência definido, devendo promover eleição da sua diretoria até a data de validade, ou renovar a vigência por mais 120 dias:

  • o PSD (55), de Eurinete dos Santos Silva desde 18/04/16, com sede na Rua José da Penha 770, vigente até 15/05/18;
  • e o PMDB (15), de Maria da Guia Diniz Carneiro desde 29/01/18, com sede na Rua Senhor Cirilo 14, vigente até 30/04/18.

Há outros partidos com órgãos provisórios que não tinham vigência, e agora devem promover eleição da sua diretoria em 120 dias:

  • o PR (22), de Maria das Vitorias Araújo da Silva desde 07/04/15, com sede no Sitio São Roque;
  • o PSB (40), de Marcos Vinícius Diniz Carneiro desde 05/10/11, com sede na Rua Senhor Cirilo;
  • o SD (77), de Fábio Araújo de Lucena desde 28/09/15, com sede na Rua Professor Isaias 60;
  • o PODE (19), de Paulo Dantas da Silva desde 17/03/16, com sede na Rua Manoel Correira 322;
  • e o AVANTE (70), de José Jonas Araújo Da Silva desde 30/09/15, com sede na Rua Tenente Manoel Cirilo 120, que está suspenso por não informar o número do CNPJ à Justiça Eleitoral.

Os demais partidos que já existiram em Ouro Branco encontram-se não vigentes:

  • O PPL (54), não vigente desde 06/10/12;
  • O PSDC (27), não vigente desde 06/11/12;
  • O PV (43), não vigente desde 22/05/13;
  • O DEM (25), não vigente desde 20/05/16;
  • O PMDB (15), não vigente desde 30/11/16;
  • O PTB (14), não vigente desde 30/12/16;
  • O PHS (31), não vigente desde 31/12/16;
  • O PROS (90), não vigente desde 01/03/17;
  • O PP (11), não vigente desde 21/04/17;
  • O PDT (12), não vigente desde 04/08/17;
  • O PPS (23), não vigente desde 20/09/17;
  • O PCDOB (65), não vigente desde 05/10/17;
  • O PPS (23), não vigente desde 25/03/18;
  • O PMN (33), destituído desde 09/02/15

O problema das comissões provisórias é que elas não tem dirigentes eleitos pelos filiados do partido, agravando ainda mais quando os dirigentes provisórios são os responsáveis por escolher os candidatos que concorrem nas eleições, e por sua vez, são determinados hierarquicamente pelo diretório nacional dos partidos, comprometendo a democracia.

O PHS DE ZÉ ANTÔNIO RECEBE ZENAIDE MAIA

O jornal Tribuna do Norte acompanhou o ato de filiação da deputada federal Zenaide Maia no Partido Humanista da Solidariedade (PHS), ocasião que ocorreu a plenária estadual do PHS-RN, com as presenças dos presidentes nacional e estadual, Marcelo Aro e Leandro Prudencio, respectivamente. A cerimônia aconteceu na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte.

Filiação da deputada ao PHS ocorreu na manhã desse sábado. Ao ex-partido, Zenaide Graça disse que agradecia sua passagem pelo PR. “Nossas divergências não superam o reconhecimento por ter me dado oportunidade de exercer mandato de deputada federal”, afirmou, mas admitindo que prefeitos e vereadores desse partido vão acompanhá-la na campanha eleitoral deste ano.

O ingresso da deputada no PHS reforçará sobremaneira as bases municipais. Em Ouro Branco, o PHS é presidido pelo funcionário público José Antônio Filho, marido da Professora Eurinete, ex-vereadora e candidata a prefeita em 2016, tendo conseguido 1.383 votos (37,43%). O partido está caduco desde 31 de dezembro de 2016, mas pode ser revitalizado ou mesmo passar às mãos de outra comissão provisória, caso Zé Antônio não se manifeste em tempo hábil.

RESIDÊNCIA DE OURO BRANCO NÃO FOI ATINGIDA PELO APAGÃO DE HOJE

O apagão de hoje atingiu todos os lares de Ouro Branco, melhor, quase todos, exceto a residência 122 da Rua Tenente Manoel Cirilo. A casa é do empresário Naldinho Barros, que tem em suas bugigangas e geringonças um sistema renovável de energia elétrica.

Durante toda a noite do apagão, quem passava pela sua residência notava a diferença. O conforto era desde água gelada a completa iluminação das quase vinte lâmpadas da residência de Naldinho mesmo com o apagão de breu nas vizinhanças. Segundo o empresário o sistema lhe garantiria energia para todas as lâmpadas por mais de trinta horas. Se fosse para exigir outros confortos como assistir TV por assinatura ou mesmo utilizar ventilador para refrescar a noite de sono, o sistema de energia renovável de Naldinho Eletronsat promete pelo menos doze horas de autonomia, tempo suficiente para o reestabelecimento de qualquer pane elétrica. Quipauá lembra que um dos mais duradouro apagões que Ouro Branco já enfrentou foi de dez horas.

Naldinho explica que o sistema que ele instalou é montado com bateria e equipamentos do quotidiano e que pode ser acionado a qualquer momento, no interesse do proprietário. Para funcionar corretamente, o circuito elétrico da residência precisa ser desconectado do sistema elétrico da rua. O sistema renovável é integrado à rede elétrica da residência e opera com os mesmos aparelhos que já estão instalados, na mesma voltagem de operação (220 volts), mas para ser instalado legalmente precisa ser comunicado à companhia energética.

Se alguém se interessar, ele fornece a instalação e dispõe dos equipamentos. Para contato, Naldinho Eletronsat atende em domicílio pelos telefones (84) 988 161 920.

APAGÃO ATINGE OURO BRANCO POR CINCO HORAS

Um apagão atingiu Ouro Branco desde as 15h50. Outros 13 estados do Norte e Nordeste foram atingidos, devido a falhas em uma linha de transmissão de Belo Monte. O ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico) diz em comunicado que “uma perturbação” na rede nacional de distribuição de energia, chamada SIN (Sistema Interligado Nacional), causou o desligamento de 18 mil megawatts (MW) principalmente nas regiões Norte e Nordeste. Alguns locais do Sul, Sudeste e Centro-Oeste também foram afetados, passando por um desligamento total de 4.200 MW, mas o problema foi resolvido graças ao Esquema Regional de Alívio de Carga.

O ONS mostra a geração de energia no Brasil em tempo real, e como você pode ver, houve uma queda brusca pouco antes das 16h. Todos os nove estados do Nordeste sofreram com falta de luz. A distribuidora COSERN informa que todos os 167 municípios do Rio Grande do Norte foram afetados. No Maranhão, todas as 217 cidades passaram pelo apagão e em Sergipe foram 60 cidades. Em Pernambuco, o apagão atingiu a capital Recife e outros municípios como Olinda, Caruaru e Petrolina. No Ceará, a capital Fortaleza ficou sem energia, assim como as cidades de Juazeiro do Norte e Sobral. Houve também falta de energia em estados da região Norte, incluindo Amazonas, Amapá, Pará e Tocantins.

Em Ouro Branco, cidadãos saíram às ruas, em decorrência do momento de desconexão com o mundo, para atualizar as conversas com familiares próximos. As praças Arlinda Medeiros e Aluizio Alves registraram presença de populares e os bares operaram quase que normalmente até a chegada de energia, às 20:30.

PSB DE MARQUINHOS RECEBE FÁBIO DANTAS

O jornal Tribuna do Norte noticiou a filiação do vice-governador do Estado no PSB, em cerimônia aconteceu em Natal e serviu também para pré-lançamento da candidatura do vice-governador ao cargo majoritário de Governador do RN.

O vice-governador Fábio Dantas oficializa a filiação ao Partido Socialista Brasileiro (PSB) na manhã deste sábado (17), em Natal. Ao chegar no América, na avenida Rodrigues Alves, onde ocorre o ato de filiação, Fábio Dantas reafirmou a pré-candidatura nas eleições deste ano ao governo do Estado.

O ingresso do vice-governador no Partido Socialista Brasileiro (PSB) reforçará sobremaneira as bases municipais. Em Ouro Branco, o PSB é presidido pelo médico Marcos Vinícius Diniz Carneiro, filho de Magui Diniz. O partido tem ainda o vice-prefeito Dr Araujo como membro e elegeu o vereador Sergio Carlos na eleição de 2016.

Magui Diniz é também presidente da comissão provisória do PMDB em Ouro Branco até 30 de abril, quando o órgão provisório perderá a vigência, podendo ser renovada.

OBRAS ILEGAIS EM OURO BRANCO PREJUDICAM TRÂNSITO NAS RUAS

O blogue do geógrafo Marcos Costa faz um questionamento que toda a população já observa: a demanda de obras na cidade, que tem ocupado cada vez mais desenfreadamente áreas de trânsito nas ruas.

Atualmente várias ruas se encontram obstruídas pelas montanhas de entulho que se formam nas frentes das construções. Apesar dos entulhos serem de obras particulares, reza a tradição no município que o poder público sempre teve o dever de manter as vias públicas limpas e transitáveis.

O questionamento do blogue Priorado News é pertinente. O município dispõe de lei complementar que corresponde a um código de postura da população ante o poder público. A lei regulamenta, dentre outras ordens públicas, a necessidade de a população informar ao poder público da realização de obras, inclusive porque implica a expedição de alvará de autorização pela Prefeitura, mediante pagamento de tributo. Atualmente a população tem ignorado a municipalidade e grande parte das obras realizadas é clandestina ou iniciada ilegalmente. Qualquer obra somente poderia ser iniciada com autorização da Prefeitura de Ouro Branco, através de órgão competente para fiscalizar.

DEZ ANOS DA OBRA DO NÚCLEO DE QUARTZITO

O blogue do historiador Lenilson Azevedo, alerta do abandono por que passam as obras do Núcleo Industrial de Quartzito de Ouro Branco-RN. O blogue destaca que desde 2010 a obra está completamente abandonada pelos poderes públicos, próxima à RN 089, dentro da área do Açude do Divino Espírito Santo, tendo iniciada em julho 2008 e deveria ter sido concluída em quatro meses, ao custo inicial de R$ 184.815,67. O blogue do historiador agenda para julho o aniversário de dez anos da obra, nunca ativada em Ouro Branco.

O objetivo de referido núcleo seria melhorar o beneficiamento das pedras quartzito que são extraídas das serras que ficam entre o RN e a PB, sobretudo a do Poção. As cidades de Ouro Branco-RN e Várzea-PB contam com número considerável de serrarias, que empregam centenas de trabalhadores das duas cidades, sendo responsáveis pela circulação de renda. No entanto, a crise que assola o país também chegou ao setor, que amarga prejuízos na produção, segundo relataram alguns donos de serrarias.

Quipauá lembra que o Polo Minerador de Beneficiamento da Pedra Quartzito recebeu o nome do minerador falecido Edgar Sousa de Araújo, através da Lei municipal nº 880, de 7 de julho de 2016.

MILTON DANTAS LANÇA LIVRO

O blogue do historiador Lenilson Azevedo, noticia o lançamento do livro do ourobranquense Professor Milton Dantas. O filósofo lançou o livro “Meu Canto-Grito”, de lembranças e vivências.

Tivemos a grande alegria de participarmos do lançamento do livro “Meu canto-grito”, do professor ourobranquense Milton Dantas. E que Deus permita que outros projetos que já estão prontos venham nos alegrar ainda muito mais! Parabéns, meu compadre Milton Dantas!

Milton Dantas da Silva é irmão do vereador Paulo Dantas.

PREFEITA DRª FÁTIMA HOMOLOGA O CONCURSO DE OURO BRANCO

A Prefeita Municipal de Ouro Branco, Maria de Fátima Araújo da Silva, homologou nesta manhã o Resultado Final do Concurso Público nº 001/2017 para o preenchimento de vagas existentes no quadro efetivo de pessoal do Serviço Público do Município. A homologação destina-se a prover os cargos conforme classificação do Resultado Final, com a relação nominal dos aprovados publicado tanto no saite na Prefeitura como no saite da CPCON, entidade realizadora do certame. Os novos ingressantes serão nomeados conforme surgimento de vagas e necessidade da administração.

O Decreto nº 4, de 5 de março de 2018, homologa o Resultado Final do Concurso Público, à vista do relatório apresentado pela CPCON, consagrando-o como exato e definitivo para os resultados finais. Para o resultado final, a Prefeita Constitucional também considerará a classificação definitiva, observando o teor da Portaria nº 19, de 18 de janeiro de 2018, relacionada ao cargo de agente de combate às endemias. Drª Fátima também reconhece a jornada do cargo de fisioterapeuta como sendo de trinta horas semanais, mantendo-se a remuneração prevista no edital, conforme decidido no mandado de segurança nº 0800444-42.2017.4.05.8402, que tramita na 9ª Vara Federal, Seção Judiciária do Rio Grande do Norte.

O concurso da Prefeitura de Ouro Branco passa por avaliação de auditoria pelo Tribunal de Contas do Rio Grande do Norte, mas já recebeu sugestão por ser julgado regular. Com o ato de homologação publicado amanhã, o Concurso Público terá validade pelo prazo de dois anos, podendo ser prorrogado por igual período, para atender o interesse público da administração, conforme já está regrado no Edital de Concurso Público. O Decreto de homologação é datada de 5 de março de 2018 e será publicado no Diário Oficial da FEMURN, que é meio de divulgação oficial da Prefeitura de Ouro Branco.