DEZ ANOS DA OBRA DO NÚCLEO DE QUARTZITO

O blogue do historiador Lenilson Azevedo, alerta do abandono por que passam as obras do Núcleo Industrial de Quartzito de Ouro Branco-RN. O blogue destaca que desde 2010 a obra está completamente abandonada pelos poderes públicos, próxima à RN 089, dentro da área do Açude do Divino Espírito Santo, tendo iniciada em julho 2008 e deveria ter sido concluída em quatro meses, ao custo inicial de R$ 184.815,67. O blogue do historiador agenda para julho o aniversário de dez anos da obra, nunca ativada em Ouro Branco.

O objetivo de referido núcleo seria melhorar o beneficiamento das pedras quartzito que são extraídas das serras que ficam entre o RN e a PB, sobretudo a do Poção. As cidades de Ouro Branco-RN e Várzea-PB contam com número considerável de serrarias, que empregam centenas de trabalhadores das duas cidades, sendo responsáveis pela circulação de renda. No entanto, a crise que assola o país também chegou ao setor, que amarga prejuízos na produção, segundo relataram alguns donos de serrarias.

Quipauá lembra que o Polo Minerador de Beneficiamento da Pedra Quartzito recebeu o nome do minerador falecido Edgar Sousa de Araújo, através da Lei municipal nº 880, de 7 de julho de 2016.

Compartilhe nossas postagens por:

Autor: Francisco Segundo de Sousa

Um ateu marmanjo magricela alto e desengonçado, ranzinza, introspectivo e altruísta, porém nada simpático, por vezes arrogante, descuidadamente presunçoso, as vezes enganador, mas desinteressado em prejudicar alheios, tentando sempre ser confiável, mesmo que nem sempre crível.